Top 10 | Melhores aberturas de Naruto Clássico

A princípio, a ideia do Top 10 | Melhores aberturas de Naruto Shippuden era rankear todas as aberturas, mas, como Naruto Clássico tem nove temporadas, é mais interessante pontuar cada uma delas. Valeria até uma resenha apenas do Naruto Clássico (ao menos um podcast eu garanto que vai sair algum dia).

Nono lugar: Abertura 9 — Yura Yura

Caros, Naruto gosta de flashback até na abertura. Impressionante. Esta é um misto de nada com flashback, fanfic e aparentemente um tipo de filmagem de bastidores, como um documentário de jovens estudantes. Tem mais cara de encerramento, ou seja, é a pior das aberturas de Naruto Clássico.

Oitavo lugar: Abertura 8 — Re:member

A música desta abertura é até legal, mas todo o resto nela é apenas repetição de conceitos. Sinal de que Naruto provavelmente estava ficando arrastado.

Sétimo lugar: Abertura 7 — Namikaze Satellite

O que fica desta abertura é a sensação de que o Kishimoto podia ter explorado muito mais os genins como amigos, não apenas jovens lutando contra o mal. A música é legal e gostei particularmente do estilo de animação, tornando a abertura boa de assistir. Destaque negativo para a extensão da perspectiva de que Naruto e Sasuke romperam e tinham uma história juntos.

Sexto lugar: Abertura 3 — Kanashimi Wo Yasashisa

A música parece um tanto desconexa do conteúdo animado e a sonoridade aguda me incomoda profundamente. Parece tratar da relação mestre e discípulo ao mesmo tempo em que pincela o passado de dor. Devia ter focado numa coisa só.

Quinto lugar: Abertura 1 — Rocks

A música desta é bem ruim, muito lenta. A cena de luta em uma missão reflete a pegada do começo de Naruto, com as tarefas de ninja. Pena que não tivemos muito dessa atmosfera (nem essa luta).

Quarto lugar:  Abertura 6 — No Boy, No Cry

Esta abertura estica a ideia da predecessora e acerta em mostrar a turma do Orochimaru, a turma da Akatsuki e o Sasuke de costas, como que representando os futuros vilões, ao mesmo tempo em que sugere que os ninjas da Vila da Folha e, especialmente, o Naruto, não pararam de se desenvolver. Dá até para entender o salto ao final como um prenúncio da ampliação do universo de Naruto. O destaque negativo fica para a música. Aconselho o cantor a tomar uma água e talvez uma pastilha para a garganta.

Terceiro lugar: Abertura 4 — Go!!!

No meio de tanta negatividade e sentimentalismo que encontramos na maioria das melhores aberturas de Naruto, é interessante ter uma que é boa e ao mesmo tempo feliz. A música empolga e a animação além de representar bem os personagens, com uma piada impagável envolvendo o Jiraya, demonstra o que ocorre nesta fase da trama, a procura por Tsunade e o surgimento da primeira dupla da Akatsuki.

Segundo lugar: Abertura 2 — Haruka Kanata

A música é excelente, empolgante. Esta abertura apresenta os trios de genins, a ideia das lutas das preliminares e eventos marcantes da Floresta da Morte, como o Selo Amaldiçoado e a manifestação do chakra vermelho no Naruto. Dois pontos a se destacar: a cena do Naruto se levantando e continuando a lutar, marca registrada dele, especialmente nessa fase da história, e a misteriosa existência do Orochimaru como alguém assustador e desconhecido.

Primeiro lugar: Abertura 5 — Seishun Kyousoukyoku

A abertura que me lembra a razão de eu gostar de Naruto. Ela aborda aquilo que seria uma constante nas próximas aberturas, até o fim, a dualidade Naruto/Sasuke. É até construído o afastamento deles em um ambiente que remete ao hospital palco da primeira batalha, mas, no fim, temos o melhor, o relembrar dos momentos de amizade dos dois, até a cisão de fato ocorrer e terem uma luta séria. A abertura toca em pontos importantes, como a equipe de resgate, o Quarteto do Som, a definição da vida do Rock Lee como ninja e o mais importante: a cena da bandana. Quando Sasuke pega a bandana do chão, está preservando o laço com Naruto e Sakura. Quando a solta, está escolhendo a vingança e o poder, personificados por Itachi e Orochimaru, respectivamente. Há toda uma rima com eventos da trama, sendo a principal o simbolismo da bandana, deixada por Sasuke no Vale do Fim.


Deixe suas dúvidas, críticas ou sugestões nos comentários. Siga o Blog do Kira por e-mail e não perca os próximos posts. Acesse o Podcast do Kira, um canal com versões em áudio de alguns textos daqui e conteúdos inéditos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s