Crítica | Naruto — Primeira Fase do Exame Chunin

Este é o terceiro post da série de críticas do mangá de Naruto. Após os eventos do País das Ondas, o time 7 teve algumas dinâmicas de grupo. De modo ilógico, o Naruto e o Sasuke não estavam se dando bem.

O correto seria o contrário, pois a dor da perda deveria despertar no Naruto sentimentos positivos em relação ao Sasuke e vice-versa, pois o Sasuke escolheu se sacrificar por ele. A amizade nem bem começou e já foi encerrada.

O Naruto manifestou o desejo de devolver a situação em que o Sasuke o salvou e falhou nessa tentativa. Aqui é um exemplar daquele humor bobo que deixaria Naruto melhor se não existisse, mas conversa com um momento sensacional que ocorrerá mais adiante.

Eu pensava que a obsessão do Sasuke por poder só transparecia depois do mini-arco do Quinto Hokage, mas já aqui ele fala como se estar na Vila da Folha fosse um empecilho para seus objetivos, os quais envolvem ter o nível de sujeitos poderosos, como o Haku.

Vale registrar que o Sasuke disse que a Sakura é inferior ao Naruto e ela reconheceu que não fazia nada nas missões. Esse é outro momento que conversa com uma cena muito boa do Exame Chunin.

Konohamaru deu o ar de sua graça novamente acompanhado de seus amiguinhos. Desta vez não teve nada filosófico sobre o jeito ninja de ser, apenas um humor bobo. O triste é ver que a piada idiota sobre a Sakura ser namorada do Naruto foi repetida lá na frente, na Guerra Ninja. Algo me diz que escrever humor não é bem um talento do Kishimoto.

Me incomodou o jeito que o Kishimoto alternou os núcleos entre os jonins e os intrusos da Areia. Sinto que ele picota a narrativa mais do que o necessário. Também me pergunto a necessidade de o Kankurou fazer bullying com o Konohamaru.

Quando o Sasuke chegou estilosamente acertando uma pedrada no braço do Kankurou, a reação da Temari foi um súbito interesse amoroso. Acontece de o Sasuke perguntar o nome de alguém, a Temari achar que é com ela e passar vergonha porque não era. Pessoas sentem atração por pessoas, então não é algo não-natural, todavia, mais tarde retomarei este ponto.

O Iruka sabiamente questionou a indicação dos novatos ao Exame Chunin e eu o endosso. É óbvio que o Naruto imaturo e a Sakura inútil não têm condições de participar do processo seletivo. O Kakashi nem teve um argumento decente para defender sua decisão.

Existe uma estratégia narrativa para destacar diferenças de poder que consiste em apresentar um personagem forte e em seguida mostrar como ele é insignificante perto de outro personagem. Uma das consequências desse artifício é provocar um sentimento de desespero, de desesperança.

É isso o que o Kishimoto faz quando o Sasuke humilha o Kankurou com uma pedra e o Gaara chega sem ele perceber, fazendo tanto a Temari quanto o Kankurou parecerem criancinhas assustadas.

Como o Naruto é muito burro, a Temari usou um PowerPoint didático para explicar o conceito de Exame Chunin. Por mais que eu entenda a necessidade de esclarecer isso ao leitor, apresentar as informações dessa forma soa artificial, tanto pelo modo quanto pelo fato de o Naruto não saber.

Novamente, o Kishimoto fez uma pequena e satisfatória preparação: o Naruto perguntou se queriam saber o nome dele e o Gaara não se importou.

Essa primeira aparição do trio da Areia e do trio do Som é eficiente em ser um pouco assustadora. Contrasta muito com a sensação passada pelo Naruto e pela Sakura. Chega a beirar o exagero.

Um dos pontos mais positivos que vejo em One Piece é a capacidade do Oda de fazer o leitor ter a sensação de que o mundo é um lugar grande com outras pessoas fortes. Essa perspectiva é a mesma criada pelo Kishimoto na apresentação dos dois trios mencionados e do time Gai. Acho Naruto Clássico muito bom especialmente em decorrência dessa pequenez do trio protagonista diante do mundo ninja.

Considerando os pontos erguidos pelo Kotetsu e pelo Izumo sobre os perigos de fazer o Exame Chunin e ser um chunin, entendo a intenção deles de fazer um teste inicial como o do Bope no Tropa de Elite: bater nos recrutas para eliminar os fracos. O estranho é que eles falam de um jeito sádico bizarro. Aquela conversa e a expressão facial combinariam bem com um certo vilão cobra que ainda não apareceu.

Apesar do Lee querer provar que é um grande ninja, eu custo a acreditar que foi natural o jeito que ele desafiou o Sasuke. Ele mesmo impediu o Naruto de lutar com o Neji argumentando que era o tipo de luta que devia acontecer dentro do torneio. Cheira a ação sem sentido com o único propósito de servir ao roteiro, ou, em outras palavras, ao absurdo aumento de poder do Sasuke entre as preliminares e a Terceira Fase.

Essa minha sensação de que aquela situação não combina com o Lee tira um pouco o brilho das cenas em que ele limpa o chão com o Naruto e com o Sasuke.

O Kakashi espertamente não contou ao time 7 que apenas equipes podem participar do Exame Chunin. Assim ele testou a determinação da Sakura em sua disposição de, por ela mesma, prestar o exame. É, parece que a nossa inútil número 1 está amadurecendo.

Trio da Areia é apresentado e a Temari acha o Sasuke bonitinho. Time Gai é apresentado e a Tenten acha o Sasuke bonitinho. Time 10 é apresentado e a Ino dá em cima do Sasuke. Será que o Kishimoto ativamente fez as personagens femininas servirem de escada para a percepção de que o Sasuke é o maioral?

Na apresentação do time 8, é possível dizer que a primeira característica mostrada da Hinata é a paixonite pelo Naruto. O Kiba é o que se acha, o Shikamaru é o preguiçoso, o Chouji é o comilão e o Shino é o esquisitão calado. Não que os personagens masculinos sejam interessantes, mas você consegue perceber o padrão na construção das personagens femininas?

A chegada do Kabuto é ruim. Primeiro que é ridículo dizer para amigos que eles precisam ser mais discretos porque está todo mundo tenso e o grupinho feliz pode causar problemas. Segundo que é artificial demais o jeito que ele começa a revelar informações através de seus infocartões.

Entendo que é uma tentativa do Kabuto de ganhar confiança, mas continua sendo um diálogo expositivo ruim que usa PowerPoint didático gratuitamente.

É sério, dá uma olhada nesse infocartão. O Kabuto é um espião coletor de informações ou um produtor de cardgame? Tem até gráfico de atributos, como um RPG. É muito, muito ruim.

Cortando o clima de “ain, eles são muito poderosos”, o Naruto mostrou a que veio e disse alto e claro que iria vencer todo mundo. Essa fala aumentou muito o meu astral. Fazer o quê, eu sou fã desse Naruto hiperativo e cabeça oca.

Estranhamente o trio do Som ficou ofendidinho pelo Kabuto ter dito que a Vila do Som é recente, pequena e pouco se sabe sobre ela. É ilógico, pois havia um contexto para essa afirmação. Eles mostraram ser infantis e despreparados para lidar com os deveres de um ninja. Eles deviam ser desclassificados por atacarem o Kabuto.

Lendo essa parte eu reparei em duas coisas. O Lee e o Neji se tratam de forma próxima, como amigos poderosos que se compreendem. Não me lembrava disso. A outra coisa é que, pelo visto, o Kishimoto desistiu da ideia de Vila do Som, pois ela só aparece no Exame Chunin.

Então a primeira prova do perigosíssimo e mortal Exame Chunin é: um teste escrito. A prova usa um sistema de subtração de pontos. O ninja começa com 10 pontos e perde 1 a cada pergunta que não for respondida corretamente. Além disso, a cada tentativa de colar, ele perde 2 pontos. Se um ninja chegar a 0 pontos, toda a equipe é eliminada do exame.

A ideia de fazer uma prova medidora de conhecimentos e, ao mesmo tempo, da habilidade de obter informações sem ser percebido é muito interessante. É um teste verdadeiramente ninja, pois desafia a capacidade que os genins têm de serem espiões. E ainda propicia um cenário estressante, pois cada um carrega a responsabilidade de não chegar a 0, o que desclassificaria o time inteiro.

Agora vamos aos métodos que os participantes usaram para espiar os coleguinhas:

O Akamaru colou pelo Kiba. Acho questionável o alcance de visão que ele teria e sua competência em ler papéis e explicar o conteúdo ao Kiba. Não comprei essa ideia não.

Não pareceu que o Shino consegue falar com os insetos, então se for considerar a possibilidade de eles tracejarem no ar, suponho que o Shino não conseguiria responder nenhuma questão corretamente, ou poucas. A primeira que a Sakura leu pareceu ser discursiva. O inseto iria “escrever” no ar?

A Tenten é bizarra. Ela achou que ninguém ia ver o espelho se movendo? Cinco mexidas na linha e provavelmente ela seria desclassificada. Além disso, como o Lee sabia que o sinal de que estava vendo o espelho era colocar a bandana? Como ele sabia que tinha que olhar para lá? A Tenten foi tão óbvia assim no ato de jogar as linhas no espelho?

O mecanismo do Dosu é interessante, mas tem o defeito de só servir para identificar o que será escrito depois, não o que foi escrito antes. É o mesmo problema que o Sasuke tem com o Sharingan.

Já o Byakugan é perfeito para essa situação. O Neji nem precisaria escrever para poder comparar as respostas e analisar qual tem maior ou menor qualidade. A transferência de mente da Ino é quase no mesmo nível de utilidade. A desvantagem é requerer uma boa memória e a vantagem é que ela pôde passar as respostas para o Shikamaru e para o Chouji.

O Gaara é estranho e eficiente e o do Kankurou é o mais bizarro. A não ser que ele soubesse que haveria uma prova escrita e podia colar 4 vezes sendo percebido, não faz o menor sentido ele colocar uma marionete como fiscal extra. E outra, como ele controlou o fiscal antes dele entrar na sala? Por acaso o Kankurou plantou o examinador extra na hora que o Ibiki chegou? Fica mais surreal ainda.

Sabe qual estratégia de cola a Sakura usou? Nenhuma. A nossa inútil número 1 é tão incrivelmente inteligente que respondeu todas as questões sem precisar colar. Curioso que o Sasuke precisou colar e era o melhor aluno da Academia Ninja. Vai entender.

Durante a prova não é bem uma situação adequada, mas o desenvolvimento do laço do Naruto com a Hinata é bem legal. A tensão dele diante da situação é envolvente e chega ao ápice na décima pergunta.

Após o desafio de responder as questões difíceis, os participantes precisam escolher entre arriscar tudo e jamais ser promovido se errar ou desistir e tentar no próximo ano. É uma encruzilhada tremenda com a responsabilidade por si e por seus companheiros.

De forma muito bonita, a Sakura decidiu desistir para impedir que o Naruto respondesse errado e visse o fim de seu sonho de ser Hokage. Sem querer forçar shipping, eu gosto muito desse lado mais sério da relação dos dois.

Naquele momento a cabeça do Naruto devia estar fervendo. Desistir ou não desistir? Deixar para o próximo ano ou arriscar tudo? Reagindo a essa discussão interna, ele extravasou sua convicção e conseguiu confortar não só a si mesmo, como também a todos os participantes. Como disse o Ibiki, ele tranquilizou os outros.

O Naruto virou a mesa de modo que ninguém mais se sentiu tentado a desistir. Esse é o coração de um líder, aquele que toma a frente, inspira e é seguido por seus companheiros.

O propósito maior da Primeira Fase do Exame Chunin era verificar a determinação dos ninjas, se eles eram corajosos o suficiente para assumir o risco da missão. Num mundo em que não se tem certeza sobre as características do inimigo, a garra é fundamental.

Garra que o Naruto tem de sobra e um certo preguiçoso observador de nuvens não tem. A ênfase dada pelo Ibiki à determinação torna ainda mais estranha a promoção do Shikamaru a chunin.

Essa primeira prova é muito interessante em dinâmica, significado, execução e consegue desenvolver o laço do Naruto com a Hinata e com a Sakura, inclusive valorizando a Sakura. Sem dúvidas, é um mini-arco que faz jus à qualidade do mangá até então, mesmo que os métodos de colar contenham seus exageros.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s