Crítica | O Mentiroso (1997): humor que funciona, humor que não funciona

O humor provavelmente é o que mais salta aos olhos em O Mentiroso. Por bons e maus motivos. Nele vemos Jim Carrey sendo… Jim Carrey. O protagonista fica fazendo caretas e mais caretas e barulhos estranhos em decorrência da tentativa de mentir e do freio imperfeito para as verdades que dizia. Isso faz sentido? Faz. É bom? Difícil dizer.

Continue lendo